Arquivo da tag: potencializar a mente

12.hary porter no brain

Harry Porter (kkk) indica NO BRAIN NO GAIN

Até Harry Potter sabe que você não pode perder esta palestra NO BRAIN NO GAIN se quiser transformar sua carreira e sua empresa. O que você aprendeu no passado sobre gestão , liderança, planejamento…não funciona mais e a ciência está aqui para te ajudar a ter sucesso sem errar. DIA 18 DE MARÇO 10H NA LIVRARIA MARTINS FONTES .

Reserve sua vaga em http://palestra18.providersolutions.com.br e receba o vídeo com as orientações

12.hary porter no brain

10.gato no brain

A ciência desvendou nossa mente

A ciência desvendou nossa mente e sabe como você pode ampliar a PERCEPÇÃO, INTUIÇÃO, CRIATIVIDADE E O PENSAMENTO ESTRATÉGICO tão importantes para se ter uma carreira e empresa de sucesso. Confira na minha palestra dia 18 de Março 10h na LIVRARIA MARTINS FONTES .Reserve aqui e receba o vídeo com as orientações http://palestra18.providersolutions.com.br/

10.gato no brain

O que a ciência já sabe e o mundo dos negócios ignora

O que a ciência já sabe e pode contribuir com carreiras e empresas. NO BRAIN NO GAIN – NEUROCOACHING – Palestra 18 de Março, LIVRARIA MARTINS FONTES- 10h/13h esperamos você. INSCREVA-SE em http://palestra18.providersolutions.com.br

 

a-importa%cc%82ncia-da-educac%cc%a7a%cc%83o-youtube

NEUROCIÊNCIA E EDUCAÇÃO.

a-importa%cc%82ncia-da-educac%cc%a7a%cc%83o-youtube

NEUROCIÊNCIA E EDUCAÇÃO.

Hoje o tema é instigador, mas não somente para aqueles que atuam em escolas , mas para todos do mundo corporativo que dependem desses jovens que chegam aoa mercado de trabalho

“Educação é a solução” é um clichê que não é levado a sério em nosso país mas deveria porque teríamos muitos resultados positivos como a diminuição da violência e das desigualdades, se fosse melhor utilizada em nossas escolas.

Várias são as pesquisas que comprovam essa importância de associar neurociência e educação e muitos são os educadores, cientistas, pesquisadores  envolvidos nesse tema.

Apresentarei a importância da neurociência correlacionando com as minhas áreas de atuação e estudos, tanto na educação, como na prática de atividades físicas.

Para quem não me conhece, comecei aos 6 anos como atleta , depois bailarina e profissional de Ed Física graduada pela Escola da Polícia Militar da USP. Graças à essa formação em minha vida, desenvolvi a DISCIPLINA, ORGANIZAÇÃO E PERSEVERANÇA.

A vida de atleta é repleta de regras e limites e não respeitá-los significa  assumir as consequências como, por exemplo, perder o podium. Esse tipo de educação nos torna focados em resultados e responsáveis pelas nossas escolhas; está em nossas mãos conquistar o objetivo proposto. Além disso, a extrema irrigação do cérebro pelo oxigênio proporcionada pela atividade física, nos torna mais intuitivos, perceptivos e criativos.

O cérebro é estimulado através da atividade física a descarregar os neurotransmissores SEROTONINA E ENDORFINA responsáveis pelo prazer e felicidade e a DOPAMINA , responsável pela energia contagiante que nos dá forças para vencer desafios e buscar as novidades, sair da rotina, da zona de conforto, enfim, inovar .

Um cérebro educado dessa maneira só pode se dar bem na vida e no mercado de trabalho, concorda? afinal, essas entre outras competências são muito solicitadas: perseverança, proatividade, liderança, foco em resultados, determinação, disciplina, organização e muitas empresas já percebem que quem pratica atividade física tem maior produtividade e ficam menos doentes e ausentes das atividades da empresa, entre outros benefícios para o profissional.

E por isso que a atividade física tira das ruas futuros delinquentes, seja através do esporte ou qualquer outra atividade que gere um enorme benefício para a formação do cérebro das crianças, em especial, as entre 2 a 7 anos.

A neurociência já sabe que crianças que sofrem traumas, são abandonas ou tem pouco estímulo nessa faixa etária terão maior propensão na idade adulta , a ser mais violentos, menos sociáveis, a não parar no emprego, a ter relacionamentos complicados.

Por quê?

Nessa faixa de idade o córtex pré-frontal está em forte desenvolvimento e precisa de estímulos. Quando a criança é negligenciada ou maltratada, a comunicação entre o córtex pré-frontal e as outras regiões do cérebro é afetada e problemas de desenvolvimento e comportamento são registrados, de acordo com Jack Shonkoff, professor de medicina e diretor do Centro de Desenvolvimento Infantil da Universidade Harvard. VEJA REPORTAGEM COMPLETA AQUI

Você deve se perguntar: isso é irreversível? Quer dizer que então teremos adultos completamente desconectados da sociedade, marginais??

O conhecimento do cérebro é ainda muito novo, mas existe uma esperança e não podemos desistir. Existe uma capacidade do cérebro chamada neuroplasticidade que é uma espécie de regeneração. Embora não seja a mesma coisa que oferecer estímulos na idade que o cérebro está se formando, podemos através de educação e  atividade física, levar adultos que foram negligenciados a ter comportamentos menos perniciosos e que através de estímulos adequados poderão ser integrados na sociedade levando uma vida normal e com menos obstáculos, mas claro, que quanto antes isso for aplicado, melhor.

Veja o caso exemplar da cidade de Manaus e antes que os defensores da liberdade , criatividade venham a emitir suas opiniões, quero deixar claro que nessa faixa de idade e até , aproximadamente 21 anos, o cérebro está em formação e é fundamental que esses jovens entendam que existem limites, regras e que se não cumprirem com “os combinados”, sofrerão as consequências.

VEJA O VÍDEO AQUI

O cérebro de um adolescente é repleto de descargas elétricas e uma das partes do cérebro que poderia conter esses impulsos , ainda não está formada e por isso, o jovem vive intensamente cada momento e se atira sem medo e, muitas vezes se dá mal e esse comportamento exagerado vai diminuindo à medida que ele é estimulado pela escola, pelos pais que colocam limites às suas extravagâncias e por volta de 21 anos, para outros, 25 anos, o cérebro já está completamente formado.

Não é por acaso que o maior número de acidentes ocorre entre jovens que não medem as consequências sobre seus atos. O cérebro ignora que o resultado pode ser ruim. A falta de limites impostos pelos pais que acham lindo dar total liberdade aos filhos é o grande responsável pela sociedade doente, desenfreada , consumista , cheia de mimados que enfrentamos no mercado de trabalho- um cérebro desgovernado.

O córtex-prefrontal não foi estimulado o suficiente para seu desenvolvimento completo, aprendendo a priorizar tarefas, evitar distrações e controlar impulsos e por isso, os mimados não toleram frustrações e seus papais se desdobram em agrados comprados nos shoppings.

Isso é educação?

NÃO. Isso é um grande obstáculo ao desenvolvimento do cérebro de seus filhos. Embora você possa achar exagerada a reportagem das Escolas de Manaus , os resultados obtidos são espetaculares e isso é comprovado pelos próprios resultados.

Vale salientar que o contexto dessa reportagem exigia medidas extremas, porém , disciplina, ocupar a mente com coisas úteis, ser estimulado, obedecer regras nessa faixa etária é importantíssimo para o desenvolvimento de um cérebro saudável.

Falo isso, antes que os defensores da criatividade digam que isso atrapalhará o espírito crítico e peço que essas pessoas leiam mais sobre neurociência. O cérebro precisa de regras para poder usar mais tarde com criatividade. Se o cérebro não for bem formado, nada restará além de um zumbi excluído da sociedade e que se revoltará contra essa mesma sociedade com os índices alarmantes de violência que todos conhecem.

Veja aqui outro caso de sucesso, numa escola da Prefeitura de Juiz de Fora, usando a neurociência na educação com outra abordagem.

É preciso entender que a gravidade e o contexto de cada caso , exige uma resposta diferente e a ciência comprova os resultados, mesmo assim.

VEJA O VÍDEO AQUI

Creio que com esses dois exemplos, além de perceber que podemos usar o cérebro de forma mais assertiva e eficaz, podemos ter maneiras diferentes de encarar os problemas dado a gravidade de cada situação, respeitando o contexto em que está inserido.

Espero ter conseguido levar a você a nova fronteira a ser desvendada para que nossa sociedade seja mais justa, produtiva e acima de tudo, educada para um mundo de oportunidades que a ERA DO CÉREBRO vem desvendando.

Marynês Freixo Pereira

Master Wellness & NeuroCoach

Liderança, Vendas e Carreira

personal-trainer

Inscrições abertas para o 12º curso de Personal Training, em Santos

Inscrições abertas para o 12º curso de Personal Training, em Santos,SP. que acontecerá no dia 22 de Outubro de 2016. Clique no link:buff.ly/2dset8x http://buff.ly/2dsdVPE

personal-trainer